quinta-feira, 15 de março de 2012

Bullying e Homofobia


Na escola, adolescentes fizeram uma roda ao redor de Rolliver, que foi empurrado, humilhado e chamado de gay, bicha, gordinho. Ao chegar em casa, o garoto cometeu suicídio. Pais culpam a escola.” Manchete retirada do site de notícias Pragmatismo Político , do dia 29 de Fevereiro de 2012.

O Bullyng, que tornou-se um assunto frequente na mídia, dentro do contexto escolar manifesta-se também através de atitudes homofóbicas. O preconceito de alunos com outros estudantes considerados ou assumidos como homossexuais é uma questão a ser solucionada pelo educador.

Somente os métodos convencionais de punição como advertências e suspensões não são capazes de acabar com esse problema. Quando um estudante é punido dessa forma, não é levado a ele o conhecimento a cerca do porquê isso não deve ser praticado.  Ao invés disso, o aluno infrator poderia ter aulas sobre as formas de afetividade e como respeitá-las, e se possível realiza-las em horário posterior às aulas convencionais. O Conhecimento sobre a homossexualidade é uma importante arma contra a homofobia.


Nenhum comentário:

Postar um comentário